Tecnologia

O computador consome muita energia e aumenta a conta de luz. Mito ou Verdade?

Por Douglas Ciriaco
É muito comum que ao instalarmos banda larga em nossos computadores, ele permaneça bem mais tempo ligado que anteriormente, mesmo que não haja ninguém a frente dele.
Quando você está jogando, navegando ou simplesmente fazendo downloads, lá está seu computador funcionando e consumindo energia.
Motivo de muita controvérsia, este ato de deixar a máquina ligada por dias ininterruptamente é apontado como grande colaborador para a composição final de sua conta de luz.
Com a intenção de tentar solucionar – ou pelo menos amenizar – esta dúvida, elaboramos um comparativo entre o consumo de computadores (baseando-se no consumo médio de sua fonte alimentadora) com o de outros eletro-eletrônicos normalmente presentes em uma residência.
O valor da tarifa a ser usada como base é R$ 0,38790, valor da tarifa cobrada pelo Quilowatt Hora (kWh) pela Companhia Paranaense de Energia (COPEL). Antes disso, passemos algumas informações acerca da fonte alimentadora.

Fontes alimentadoras

A fonte é o equipamento de seu computador pelo qual ele capta energia da rede elétrica. Ela é capaz de transformar corrente alternada (que vem da rede elétrica) em corrente contínua (utilizada pelos componentes elétricos de seu computador). Sua potência varia de acordo com a necessidade da máquina.
Estes equipamentos são classificados de acordo com a sua potência e em watts (W), ou seja, 300W, 350W, 500W, 650W, etc.
Contudo, nem sempre o valor exibido na embalagem é a potência real da fonte, pois muitas vezes você tem uma fonte que marca 400W mas na verdade tem potência de 300W reais.
Segundo as fabricantes, a potência exibida na caixa indica o pico máximo alcançado pelo equipamento.

» Calculando o consumo de seu computador

4 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.