MEC divulga concorrências e notas de corte dos cursos do Sisu

Por | Em 2 de fevereiro de 2010 | Categoria: Empregos e Carreira | Deixe seu Comentário

O Ministério da Educação (MEC) disponibilizou, a partir desta terça-feira, 02 de fevereiro, a consulta as notas de corte e relação candidato/vaga dos cursos disponíveis pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSU).

Os candidatos podem saber qual é a nota de corte antes de efetuar login no sistema.

A consulta deve ser feita na página inicial do Sisu, no link com a inscrição “Antes de acessar o SiSU, confira a nota de corte.”

A pesquisa pode ser feita por nome, estado, instituição, campus ou curso.

As inscrições na primeira etapa do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) termina às 23h59 desta quarta-feira, 3 de fevereiro. Os candidatos devem acessar o SiSU com o número de inscrição do Enem. Em seguida deve escolher, pelo sistema de busca, o curso e a instituição em que pretende estudar.

A novidade é que ele pode acompanhar no início de cada dia como está a nota de corte de cada curso e trocar sua opção caso tenha mais chances de ingresso em outra graduação ou em outra instituição.

A primeira etapa de inscrições no sistema começou na última sexta-feira, 29 de janeiro,. Depois desse período de inscrição dos estudantes, o SiSU irá processar as informações e divulgar em 5 de fevereiro o resultado final da primeira etapa. Os estudantes que forem aprovados terão de 8 a 12 de fevereiro para fazer a matrícula nas instituições para as quais foram selecionados.

Haverá ainda mais três etapas para preencher as vagas remanescentes. A segunda etapa terá as inscrições entre às 6h do dia 15 de fevereiro até as 23h59 do dia 20 de fevereiro, o resultado será divulgado no dia 22 de fevereiro. Entre 1° de março e 3 de março ocorrerá a terceira e última etapa, o resultado: será divulgado no dia 5 de março e as matrículas nas universidades deverá ser realizadas de 9 a 12 de março.

Após dificuldades e problemas registrados no Sisu, o sistema criado para estudantes se candidatarem para uma das quase 48 mil vagas em universidades federais por meio da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o ministro da Educação, Fernando Haddad, afirmou nesta segunda-feira que, por ora, o governo descarta a possibilidade de ampliar o prazo para que estudantes façam suas escolhas.
Na sexta-feira, quando o site entrou no ar, muitos alunos não conseguiram concluir as inscrições. Segundo o Ministério da Educação, uma falha em um equipamento interno e a queda na conexão à internet deixaram o sistema indisponível.

Desempate

O Ministério da Educação (MEC) informou nesta segunda que todos os candidatos que tiverem empate em todos os critérios do Enem terão vagas garantidas. Segundo a assessoria do MEC, a decisão foi tomada em função de problemas no acesso à banda larga no Sisu verificado na região Sudeste neste domingo.

Conforme o artigo 18 da portaria do Sisu, ficam mantidos os cinco primeiros critérios de desempate: notas obtidas na Redação, Linguagens, Matemática, Ciências da Natureza e Ciências Humanas. O sexto critério, que mantém a vaga ao candidato com inscrição anterior, foi abolido para não deixar ninguém prejudicado após os problemas na banda larga, de acordo com o MEC.


Arquivado na Categoria: Empregos e Carreira

Sobre o Autor ()

EDUARDO TETERA - CEO da Tetera Consultoria & Idiomas. Editor do Portal Tetera.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado